Terça-feira, 15 de Maio de 2007

Provas... de merda!


Primeiro:
Um cliente reclamou junto do seu banco por na sua ficha pessoal terem colocado como profissão "engenheiro civil", curso e profissão que ele não tinha, provando com diplomas que a sua área era outra completamente diferente. Perante isto, e após muita troca de correspondência e argumentos, o banco exigiu, para que essa correcção fosse feita, que o seu cliente provasse documentalmente que era "não engenheiro civil". Muito difícil, muito mais do que o Sócrates provar o contrário.


Segundo:
Na Índia existe uma máfia que fabrica a (falsa) morte de algumas pessoas com o intuito de ficar com a herança dos seus bens. Aconteceu a um natural daquele país que, após a morte  (verdadeira) do seu pai e sendo ele o único herdeiro dos seus bens, foi logo dado como morto pela dita máfia que se apoderou de tudo o que lhe pertencia por  morte do pai! Quando se deu conta do sucedido reclamou junto de todas as autoridades a sua ainda existência no mundo dos vivos o que, pasme-se, não consegui provar! Raptou um familiar, concorreu a umas eleições legislativas... e nada! Passou 14 anos duma vida que não tinha (que tempo mal gasto) para provar que estava vivo!
Terceiro:
O que se prova com isto?
Se toda a gente tem umbigo, o que acontece a quem tiver dois?
Que mundo de merda!
eu?: sem provas...
som: Olarilolé
escrito por xapim às 23:35
link do post | comentar | favorito
|

I dream a visitor from Burkinafaso!!!

Flag Counter

VIVA CHILE! VIVA CHILE MIERDA!!!

silos

Fotos National Geographic

globo

contadores de visitas

textos recentes

Crónica de MerdA 3 (o sol...

Crónica de MerdA 2 (prego...

Crónica de Merda 1 (elefa...

Repato de Natal, sim, rep...

Bitetos continua a ser li...

O penedo que abana...

O berço, capital europeia...

O Douro sente-se...

Recantos de Vila Boa do B...

Aventura alucinante num d...

o último barco em bitetos

Um dia na Venda da Giesta

Um biteto, dois Bitetos, ...

É devido...

ligações